Páginas

segunda-feira, julho 26, 2010

Mensageiros instantâneos no Linux

Você tem MSN?

Todos nos comunicamos por essa ferramenta desenvolvida pela Microsoft, é algo simples e intuitivo bater um papo com os amigos através do messenger. Além do chat por texto, podemos usar também outros meios, como áudio e vídeo, além é claro dos famosos smileys que mudam automaticamente para o meio gráfico e podemos inserir gifs animadas (o que as vezes me faz ficar possesso de raiva) para dar mais "graça" a conversa.
Quando migrei para o Linux essa foi uma das minhas primeiras preocupações, afinal não poderia perder meus momentos de ócio entretenimento com meus amigos e ao realizar algumas pesquisas achei alguns programas (que costumam ser chamados clientes), segue a lista aqui.

aMSN

O aMSN me surpreendeu por sua simplicidade a aparência muito semelhante ao Windows Live Messenger, além de possuir plugins que adicionam funções (como por exemplo exibir na sua frase a música que está tocando) e também suporte a skins, que alteram sua aparência.

Para instalar o aMSN no Ubuntu e outros derivados do Debian é simples: sudo apt-get install amsn

Vale destacar que também existem versões para outros Linux, Windows, Mac OS, Nokia N900 (Maemo) e outros, para fazer o download é só acessar o site oficial: http://www.amsn-project.net


Emesene

O Emesene é muito semelhante ao aMSN nas funcionalidades básicas e também tem suporte a plugins para aumentar suas funcionalidades, porém possui um visual mais clean. Costuma ser mais indicado a quem já não possui tanta dependência do visual do Windows. 

Para instalar o Emesene também é simples: sudo apt-get install emesene

Também possui várias versões para download no seu site oficial: http://www.emesene.org/


Esses dois mensageiros são os mais conhecidos, porém ainda possuem alguns bugs como problemas em ligações por voz e transmissão de arquivos, mas a cada nova versão lançada esses bugs são corrigidos, tornando cada vez melhor sua utilização.

Existem também alguns mensageiros "genéricos" que funcionam para mais de um serviço de mensagens, como ICQ, GTalk, MSN, Facebook e outros. Estes são os meus prediletos devido a sua praticidade, porém eles não possuem suporte a alguns serviços mais específicos como transmissão de vídeo e comunicação por áudio.

Empathy

O Empathy vem instalado por padrão no Ubuntu na sua versão 10.04, possuindo ainda integração com o Gnome, sendo possível alterar o status através do painel de maneira simples e rápida para todas as contas utilizadas no mensageiro. Possui suporte a voz e vídeo através de SIP (VoIP), XMPP e GTalk e também suporta o IRC.
Eu indico ele principalmente para o pessoal que utiliza várias contas em diversos mensageiros e não gosta de ficar com mil e um programas abertos.

Para instalar o Empathy em outras versões do Ubuntu (anteriores à 10.04) e outras distribuições baseadas em Debian, basta digitar: sudo apt-get install empathy

O site oficial do projeto é: http://live.gnome.org/Empathy


Esses programas são os mais utilizados no Linux atualmente, porém existem vários outros clientes possíveis, até para o modo texto do terminal, não se limite a apenas utilizar este, também é possível instalar o Windows Live Messenger via Wine, apesar de não ser nenhum pouco indicado devido a problemas de  compatibilidade, por isso as versões em código aberto que eu passei acima são as mais indicadas. 
Espero que este post possa ajudar principalmente o pessoal mais novo no mundo Linux, qualquer dúvida ou sugestão é só deixar um comentário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Frase

“Inovação distingue um líder de um seguidor.”
(Steve Jobs)