Páginas

domingo, abril 07, 2019

Os planos de domingo a noite

Recentemente fiz um tweet falando que todas as noites de domingo eu faço mil e um planos, como mudar meu estilo de vida, fazer exercícios físicos e estudar mais, ai na segunda-feira de manhã, quando o sol está nascendo, eu só quero dormir mais um pouco.

É fácil fazer planos, isto quase não gasta nossa energia, nos sentimos bem e vamos dormir. Sempre assim, um ciclo vicioso tão atraente quanto os vícios que prometemos que iremos abandonar. É tentador demais, prometer é muito fácil. Como realmente sair disso? Como mudar e ser melhor? Abandonar vícios e criar novos hábitos?

A verdade: se eu soubesse já estaria fazendo. Temos uma tonelada de auto-ajuda para isto, livros e mais livros que prometem mostrar o caminho (mas é claro, mostrar o caminho é fácil). A pessoa lê o livro, faz o plano apresentado por uma semana e abandona, recaindo sobre ela a responsabilidade da desistência, afinal foi a sua falta de vontade que levou ela neste caminho. Chega a ser desonesto, pois se eu já tivesse força de vontade para seguir o plano de um livro, eu não gastaria ela seguindo o plano do livro, mas sim executando os meus planos!

É fácil fazer planos, principalmente para outras pessoas, também deve ser fácil escrever planos para outras pessoas seguirem, assim livros de auto-ajuda já são mais fáceis de escrever do que acordar cedo para fazer exercícios físicos.

Se for para mudar, prefiro seguir o plano do eterno Abujamra:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Frase

“Inovação distingue um líder de um seguidor.”
(Steve Jobs)